DESTAQUES

kratos real em novo trailer de god of warJÁ OUVIU O NOSSO PODCAST?jason stathan metendo porradatocha humanahomenagem postumaluta mma epicacanhao caseiroblack ops prison breakjacare caganeiraAPP PIRULITO SEM FIOcome comemini rinogorderiablu ray

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

10,5 MANEIRAS DE SE MORRER


CONVERSANDO COM A MINHA MULHER ONTEM DISCUTIAMOS QUAL A MANEIRA MAIS IDIOTA DE SE MORRER, FOI DAÍ QUE SURGIU ESSE POST



10 – O Tempo

clip_image003O décimo lugar não é bem uma morte (afinal é o décimo lugar e começaremos pegando leve), mas quando vocês perdiam por tempo, vai dizer que vocês nunca exclamaram “morri?”. Bom, imaginem a cena: lá estão Ryu e Sagat, dois inimigos eternos, clássicos e mortais da série Street Fighter, eles estão envolvidos em mais uma batalha épica disputadíssima e então quando eles estão prestes a dar o último golpe um no outro o tempo acaba. Os dois se entreolham, baixam a guarda e é o fim da luta. Em uma palavra: Frustrante!

9 – Magma que sobe

clip_image004
Magma é algo realmente desesperador! Não adianta tentar fugir, não adianta se esconder, não adianta ficar parado para evitar encontros aleatórios, o magma vai subir, consumindo rapidamente toda a tela, todo o mapa, você chega a sentir o calor derretendo seus circuitos, tudo ao seu redor vai derretendo e as vidas vão acabando, sua barra de vida se esvai e no final é morte certa, não importa o que você faça. Deve ser sobre isso que o Tio Ali falava quando se referia a nadar no mar de fogo do inferno…

8 – A Fase Aquática

clip_image005Mario, Sonic, Earthworm Jim, Megaman, entre tantos outros personagens já morreram afogados. Triste, mas verdade. Vamos lá, atire a primeira pedra quem nunca se desesperou com o ar acabando ao mesmo tempo em que temos a certeza de que a superfície está a quilômetros de distância! Nadamos, esperneamos, a procura de ar, de uma bolha, de um save point que seja, mas essas fases insistem (com raras exceções) em não nos deixar salvar o jogo debaixo d’água. É por isso que essa fase merece nosso oitavo lugar.

7 – Fase do Gelo

clip_image006Ah, os jogos de plataforma! Nos divertimos matando nossos inimigos fase a fase, vencendo cada desafio e, quando a dificuldade vai aumentando gradualmente, de repente, vem a fase do gelo… E então precisamos de um novo tratamento capilar. Essas fases escorregadias tornam tudo mais difícil. Saltar ganha uma nova complicação: a derrapagem na aterrisagem. Correr também sofre o mesmo efeito na hora de frear e nos vemos tendo que repetir essa fase milhões de vezes…

6 – Espinhos malditos

clip_image007Então, ok, você passa fases e mais fases lutando contra os monstros mais poderosos que o universo (ou algum professor maluco) consegue produzir. Você sobrevive por todos os intempéries que as mentes pervertidas dos programadores de games (Deus proteja suas mães) conseguem criar. É ai, então, que você cai num monte de espinhos. E morre. Não simplesmente porque os espinhos te matam, mas porque você não consegue sair deles! Você passa agoniantes (e frustrantes) segundos piscando em cima dos espinhos, procurando, desesperado, uma saída que não existe. E é o fim.

5 – Para onde vou agora?

clip_image008
Os jogos são sempre cheios de caminhos secretos, portas falsas, labirintos infindáveis que (achamos que) nunca conseguiremos sair e becos (realmente) sem saída. É então que nos deparamos com essa velha pergunta que persegue os gamers ao redor do mundo: “Para onde vou agora?”. Apelamos para detonados, fóruns pela internet (e como era que se fazia na era pré-internet?) a fora, enfim, fazemos de tudo para encontrar novamente nosso rumo na vida. No processo, somos invariavelmente mortos milhares de vezes até acharmos o caminho certo.

4 – Inimigos virtualmente invencíveis

clip_image009Nemesis, Sagat, as cabeças da medusa de Castlevania, o enxame de Zubats em cavernas do mundo Pokémon, enfim, são inimigos tão lazarentos que qualquer um desanima só de ter que enfrentá-los mais e mais vezes no decorrer do jogo, gastando mais e mais poções, perdendo mais e mais vidas, investindo mais e mais continues. Existem tantos inimigos assim nos games que acho que eles mereciam um top 10 só deles! Mas fica pra próxima.

3 – Abismos

clip_image010Dr. Wily, Bowser, tartarugas, fantasmas, balas gigantes, nenhum deles deve ter ceifado, na história dos games, mais vidas que os malditos abismos. Nos games de corrida, nós caímos neles e acabamos voltando para a última colocação, nos jogos de plataforma, não preciso nem comentar. Sem contar, é claro, com os monstros que sobrevoam abismos. Pois é, eles merecem uma classificação especial aqui, então falemos mais desses monstros insuportáveis…

2 – Inimigos que sobrevoam abismos

clip_image011
E lá está você, mais uma vez, frente ao abismo assassino. Você se prepara para pular naquela mínima e escorregadia plataforma flutuante. Corre para pegar impulso, espera até o último centímetro de chão para poder pular, o movimento é perfeito, você tem a certeza absoluta que vai cair exatamente onde quer… Se não fosse aquele inimigo que insiste em sobrevoar o abismo que você queria pular. Boa, campeão!

1 – O maldito lag

clip_image012
A internet nos trouxe muitas alegrias (como nosso querido site Nintendo Blast), mas também nos trouxe muitas frustrações. E o maior exemplo da dor de cabeça que a internet pode dar (além dos vírus) são as mortes por lag. Nada pior do que se ver de mãos atadas enquanto leva uma surra e perde pontos que você demorou dias, meses, talvez até mesmo anos, para conseguir.


 0,5 - ESCORREGANDO NO SABONETE


que maneira mais idiota de ser lembrado "fulano morreu tomando banho, escorregou no sabonete"  um cara que morre desta forma deve ter uma foto assim na lapide

Nenhum comentário:

Postar um comentário